Quais bens valem a pena vender em site de leilão?

Atualmente, os sites de leilões são os grandes responsáveis por proporcionar ganhos financeiros para pessoas físicas e jurídicas que desejam vender bens improdutivos, e por proporcionar grandes oportunidades para os seus respectivos compradores. 

A grande questão é decidir qual tipo de bem vale a pena vender por meio de um leilão on-line. Afinal, será que existe um ativo que seja mais vantajoso do que outro?

Para responder a essa dúvida, nós preparamos este artigo, que também mostra como funciona o leilão on-line e quais são as suas vantagens. Boa leitura!

Como funciona o leilão on-line?

Através de um site de leilão, que funciona da mesma forma que o leilão presencial, o interessado precisa dar um lance maior do que o valor mínimo e do que o lance anterior para adquirir o bem que se tem interesse. 

Essa é uma forma rápida, prática e segura de vender e comprar bens, desde que o site pertença a uma leiloeira reconhecida. Por isso, verifique a reputação dela e observe algumas informações disponíveis dentro da plataforma, como o selo de segurança do site, chamado de Secure Socket Layer (SSL)

Caso esteja tudo certo, então é hora de se cadastrar na plataforma da leiloeira, preencher os seus dados pessoais e bancários e participar do evento on-line, que terá um dia e um horário específico para acontecer. Para participar, é necessário acompanhá-lo em tempo real. 

Quais são as vantagens de um site de leilão? 

A primeira delas é que o comprador consegue ter acesso ao evento e oferecer os seus lances sem sair de casa. Ou seja, o vendedor pode acompanhar os lances de forma virtual. 

O leilão on-line ajuda você a alcançar um número maior de interessados em seus ativos, já que eles não depende da presença física em um auditório ou em um espaço para acontecer. 

Outro grande benefício dessa modalidade é o fato de o leilão ter datas estabelecidas para acontecer, o que ajuda o vendedor a saber quando o bem pode ser arrematado. E não tem problema caso a venda não for efetuada nesse primeiro momento porque, o leilão pode ser remarcado. 

Por outro lado, se o seu bem receber um lance mais alto do que o seu valor inicial e o valor dos demais interessados, você vai receber o valor em 5 dias úteis após o evento.

Quais bens valem a pena serem vendidos em um site de leilão?

Imóveis, veículos, maquinários, equipamentos, peças, eletrodomésticos e matérias-primas são alguns dos exemplos de bens que podem ser leiloados e que dão retorno para a parte vendedora.

Não há um bem que seja mais vantajoso do que o outro. Porém, independentemente do produto, o interessado em vendê-lo precisa comprovar que esse ativo pertence a ele por meio de um documento oficial e que contenha o seu nome como proprietário (como uma nota fiscal, por exemplo).

Se estiver tudo certo, o escritório de leilões  irá prosseguir com o procedimento de venda e definirá uma data e um horário para o leilão ocorrer. 

Conclusão

Qualquer bem pode ser vendido em um site de leilão, desde que tenha a sua origem comprovada. 

Essa é uma ótima oportunidade para vender bens que estão parados nas empresas (como carros, peças de maquinários, entre outros) e que podem gerar um ganho financeiro, em vez de permanecerem “encostados” e perdendo valor. 

Caso esse seja o seu caso, então você pode entrar em contato com um escritório de leilões que tenha um site seguro e confiável, ajudando-o a divulgar o seu produto, a marcar o evento on-line e a organizar todos os trâmites legais que tornem a venda on-line possível, justa e segura para todas as partes.